Ações de Rastreio do Cancro Oral 2022

Search Dental Tribune

Ações de Rastreio do Cancro Oral 2022

E-Newsletter

The latest news in dentistry free of charge.

  • This field is for validation purposes and should be left unchanged.
Cartaz Rastreio Cancro Oral (Imagem: LPCC)
Dental Tribune Portugal

By Dental Tribune Portugal

seg. 15 agosto 2022

save

A Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC), ao abrigo do protocolo com a Associação Nacional de Estudantes de Medicina Dentária (AMEND), tem programada 80 ações de Deteção Precoce de Cancro, entre o cancro oral e o cancro da pele, em todo o território nacional, durante 2022. 

Apesar de ser ainda “cedo para falar a longo prazo”, Diana Maria d’Orey, do Núcleo Regional do Sul da LPCC mostra-nos, de forma sucinta, o estado geral de uma campanha que se estende até dezembro.

Quando e onde começou a rastreio? 

Partindo do princípio de que falamos apenas do rastreio de cancro oral, começou entre conversas após uma apresentação do Dr. Filipe Freitas. Na prática, em 2021 fizemos 3 ações pilotos – Portalegre, Santarém e Faro – para testar o modus operandi e adesão. Olhando para os relatórios, dos projetos piloto, decidimos planear 40 ações para 2022.

Quais as entidades envolvidas? 

Neste momento, a colaborar em cada ação de rastreio de cancro oral, Médicos Dentistas e damos oportunidade aos alunos de Medicina Dentária de receber formação em Patologia Oral durante estas ações de rastreio através da ANEMD. Mas a instituição organizadora e promotora desta atividade é a Liga Portuguesa Contra o Cancro.

Que tipo de atividades estão programas? 

40 ações de rastreio de cancro oral na região sul do país. Estas acontecem em simultâneo – no mesmo dia, horário e local – que o rastreio de cancro de pele. Ou seja, para o ano de 2022 temos 40 + 40 ações de Deteção Precoce de Cancro. Fizemos uma ação extra no Estabelecimento Prisional de Lisboa, com grande sucesso. De tal forma que agora estamos a planear Rastrear em todos os estabelecimentos Prisionais de Portugal.

Qual a realidade da prevalência do Cancro Oral em Portugal? 

Últimos dados recolhidos: 1500 novos casos anuais. *

Que medidas podem e devem ser tomadas para a sensibilização/tratamento deste cancro? 

Não fumar; Não consumir bebidas alcoólicas; adotar um estilo de vida saudável; consumir regularmente vegetais e fruta como fator protetor; higiene oral.

Leia mais no nº. 2 da edição portuguesa da Dental Tribune.

*Dados do SNS de 2015, mostram que anualmente, existem “cerca de 3 mil novos casos da doença em Portugal, 85% dos quais em fumadores ou ex-fumadores, com taxas de incidência e mortalidade das mais elevadas na Europa”. https://www.sns.gov.pt/noticias/2018/07/26/dia-mundial-do-cancro-da-cabeca-e-pescoco/

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

advertisement
advertisement